SAúDE E DEFESA CIVIL

Mangaratiba aborda a saúde da mulher em Conferência

Palestras e escolha dos representantes foram apresentadas no evento

Mangaratiba aborda a saúde da mulher em Conferência

A nutricionista Ana Queiroga abordou o tema Sobrepeso e Obesidade

Psicóloga Elisa Goulart levou dados sobre a violência contra as mulheres

O Conselho Municipal de Saúde promoveu na manhã de quarta-feira, dia 19, a I Conferência Municipal de Saúde da Mulher de Mangaratiba. O tema apresentado à população e profissionais da Secretaria de Saúde foi a “Saúde das Mulheres: Desafios para a Integralidade com equidade”. Quatro palestras abordaram o universo feminino em diferentes pontos.

A abertura do evento foi com o conselheiro Paulo Tavares, que apresentou a importância da conferência e sua funcionalidade. Participou ainda o presidente do Conselho de Saúde, Antonio Carlos Muller. A primeira palestra foi com a diretora de Controle e Avaliação da Secretaria de Saúde, Valesca da Costa, com o “Programa de prevenção de câncer de colo de útero e de mama” e informações para o público feminino sobre o atendimento prestado no município, bem como cirurgias e mamografias.

Em seguida, a nutricionista e conselheira Ana Queiroga abordou o “Sobrepeso e Obesidade – combate por uma estética melhor e autoestima”. A doutora destaca que as mulheres, na maioria das vezes, busca o médico pela estética. “Se ela vai ao consultório para emagrecer é porque por dentro não está regulado. Ou seja, pele, cabelo, unha e outros começam a sofrer consequências. Não existe dieta milagrosa, existe reeducação alimentar e mudança de habito, como exercícios físicos”.

A conferência seguiu com outro tema importante no dia a dia feminino: “Violência Contra Mulher – Novas atitudes para contraposição”, apresentado pela psicóloga e responsável pelo Projeto Arte Vida, Elisa Goulart. A etapa municipal foi encerrada com a palestra de Maria Lucia de Oliveira, que é assessora da Secretaria Municipal de Saúde e também conselheira, abordando a “Gravidez na Adolescência”.

A IMPORTÂNCIA DAS CONFERÊNCIAS

A Conferência de Saúde é um importante instrumento, principalmente para propor as diretrizes para a formulação da política de saúde. Participam vários segmentos sociais, como moradores e autoridades. Logo é um espaço democrático em que o povo se manifesta, orienta e decide os rumos da saúde. A partir desta conferência, são eleitos os membros para a Conferência Regional, que vai acontecer em Angra dos Reis. Em seguida, elegem os conselheiros para a Conferência Estadual para, enfim, eleger os delegados para a Conferência Nacional de Saúde, em Brasília. 



Deixe seu Comentário